é a penúltima linha da minha morada, enquanto aprendo matemática no MIT.

segunda-feira, janeiro 08, 2007

lx

Nas costas de um bilhete de autocarro expresso escrevinhei um calendário desta semana, e em cada dia o que está agendado. Almoço com, lanche com, jantar com, passar o dia com, ir sair à noite com, consulta no médico, ir ver a exposição tal, isto e mais aquilo.

old

Mas no meio disso tudo, comprazo-me com o luxo de descer a pé a avenida da liberdade, devagar, chegar à baixa e espreitar uma igreja qualquer, entrar na fnac e na bertrand, há sítios em lisboa que me devem conhecer tão bem como eu a eles, de tanto por lá passar deve haver um rasto qualquer, restos da minha presença, cruzada e descruzada com as das outras pessoas todas, lisboa lisboa lisboa.

2 comentários:

Gonçalo P. disse...

Eu sinto que deixo pedacinhos meus nas ruas, nos jardins, nas esquinas. Em troca, carrego para onde quer que vá pedacinhos das ruas, dos jardins, das esquinas. Lisboa também é sinónimo de meias gastas de tanto andar :)

ana disse...

gosto muito, muito de passear em lisboa, a pé. muito, mesmo. ando quilómetros e quilómetros sempre que lá vou e fico com saudades de lá voltar. :)

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing public photos and videos from ana_rita. Make your own badge here.