é a penúltima linha da minha morada, enquanto aprendo matemática no MIT.

terça-feira, março 04, 2008

as eleições, os enganos e o peixe cozido

Chamam a hoje a terça feira crítica. O McCain é o candidato republicano, está decidido, e com os outros dois parece estar tudo no mesmo impasse. São estranhas estas eleições que duram meses sem fim, saiem às pinguinhas, mas ao menos proporcionam-nos entretenimento político quase todas as semanas.

Entretanto, o trabalho vai andando. Dois passos à frente e um e três quartos atrás, mas sempre se vai fazendo algum progresso. O meu orientador já mencionou que era engraçado escrevermos um artigo os três, mas isso foi da última vez que os passos foram em frente, desde então aconteceram-nos os passos para trás, não sei onde estamos agora, a não ser que estamos a ver o que se salva dos enganos da semana passada.

Esta noite fiz peixe cozido. Com batatas, cenouras, cebolas, brócolos e um ovo cozido. A segunda vez aqui em dois anos e meio (A primeira vez tentei usar filetes em vez de postas. Um desastre, claro, pela falta de integridade estrutural dos ditos). É tremendo isto. Tremenda a sorte que me calhou de gostar de peixe cozido, que é secretamente o sonho de qualquer pai para os seus filhos. E tremendo o azar de vir emigrar para um país onde sabe-se lá por que carga de água não se vendem postas de pescada na secção dos congelados. Nem no balcão do peixe. Pelo menos nos dois supermercados mais perto de casa. Uma coisa tão simples, caramba. Uma panela com água a ferver, uma pitada de sal, posta de pescada lá para dentro, mais os vegetais todos, e o ovo também, e voilá, daí a bocado está o jantar pronto, só lhe falta escorrer tudo e descascar o ovo, um fio de azeite por cima, pôr o pão e o queijo na mesa, já está, fácil e saudável. Mas não. Nada de peixe em postas para mim. Pescada, oh, nem vê-la. Eu já nem pedia tanto. Um peixito branco qualquer já me dava. Mas postas, qué isso? Postas só de salmão. Só que salmão sabe a salmão, não sabe a peixe, e eu não quero salmão cozido, quero peixe cozido (lá está, que pai não pagaria um soma considerável para ver um filho dizer "quero peixe cozido"?). Mas no outro dia era sábado e fui laurear a pevide à margem sul, que aqui é a cidade e não o satélite, e já pertinho da paragem do autocarro lembrei-me que precisava de comprar coentros para enfeitar a açorda (vejam senhores, aqui em casa quando há pão duro o meu americano pede-me açorda de marisco) e entrei num supermercado, e como quem nunca perde a esperança nas postas de pescada lá fui eu deitar um olho à secção dos congelados e, lo and behold voilá em americano), lá estavam umas postas, não era pescada mas era bacalhau, e por muito que eu estranhe andar a comer bacalhau como peixe e não como bacalhau seco e salgado, isto na verdade o bacalhau há-de ser primo da pescada, e postas de peixe branco não é coisa que se desperdice. Portanto, finalmente, hoje comi peixe cozido. E batata, cenoura, cebola, bróculos e ovo cozidos. O americano cá de casa não lhe acha muita piada, come aquilo como uma criança de sete anos extremamente bem educada: não se queixa mas quando lhe pergunto se gosta diz que é pouco interessante e tira a alegria ao jantar. Ignorante dos prazeres do peixe cozido, é o que é, nem todos podem ter a minha sorte.


Hmm.
A julgar pelo tamanho dos parágrafos, isto do peixe cozido emociona-me muito mais que as primárias americanas ou o meu trabalho. Preocupo-me?

15 comentários:

Xana disse...

LOL

goncas disse...

De um fã de peixe cozido para outro - acho que não tens de preocupar-te!

Margot disse...

Chama-se patriotismo longe de casa. É mesmo à portuguesa. Acho lindo! :)

Ana Rangel disse...

Eu também gosto de peixe cozido, pá!... :D

a disse...

não te preocupes! eu também aprecio muito a simplicidade da pescada cozida e sofri a mesma privação nessa terra de abundante peixe. e - sim - o bacalhau deles (que é peixe, ao contrário do nosso) está muito póximo da pescada.

Atlantico Ocidental disse...

Ora prima, tenho de dizer que não gosto de peixe cozido... ou melhor, como, mas sem interesse como a tal criança de sete anos :)

Dito isto, compreendo perfeitamente o dilema das postas e do peixe em geral que nesta terra não se encontra a não ser numas pálidas aproximações nalgum remoto Trader Joe's avulso (não em todos!)... porque de camarão e salmão não vive a cozinha portuguesa!

Valham-nos as sobremesas: próxima segunda dia 10 lá nos encontramos pelas 5.30pm, certo?

Cita disse...

Geralmente as lojas portuguesas vendem peixe congelado de Portugal. Em Cambridge ha a peixaria Maria Fish Market que fica na Cambridge St. Talvez la tenha. Aqui, no sul de Massachusetts temos peixinho portugues nas lojinhas portuguesas.

ana rita disse...

prima: foi exactamente no trader joe's que encontrei as postas! e sim, estamos combinadas para segunda feira. já tenho água na boca!

cita: é verdade, eu é que sou preguiçosa e queria ter peixe no supermercado do costume, em vez de ter que ir de propósito à peixaria. ainda por cima tendo que ir a pé para todo o lado...
mm, tu és a pessoa que eu conheci uma vez no aeroporto?

cita disse...

Sim. Viemos no mesmo voo.

ana rita disse...

ah! bem me parecia :)

Kella disse...

E cá em Portugal sou eu que me debato em encontrar bacalhau fresco para fazer "fish n chips"!!!
Ps: No outro dia encontrei e o meu Irishman não cabia em si de contente!!

Nelson disse...

peixe cozido? blagh! Já açorda até ia...

TaniaRocha disse...

Tenta pôr alho picado sobre o peixe cozido (alho cru) e deitar mais azeite, pode ser que convenças o teu americano.

Senão, faz um molho de tomate pouco frito: cebola pouco picada, alho pouco picado, tomate pouco picado e com casca e sementes, azeite, e um pouco de sal. Saltear até cheirar bem, mas não deixando os bocados desfazerem-se, os bocados de vegetais ainda firmes éque lhe dão a graça. Peixe cozido e vagenzinhas (feijão verde) e ovo com este molho, YUM!

TaniaRocha disse...

Nota-se que sou uma "foodie" não nota?

(Confesso aqui que ninguém me vê: compro livros e revistas de culinária tanto pelas receitas como pura e simplesmente para passar momentos de ócio a folhear as figuras e pensar em novas combinações de cheiros, sabores e texturas :-) )

ana rita disse...

tem bom aspecto sim senhora, tânia. a ver se experimento!

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing public photos and videos from ana_rita. Make your own badge here.