é a penúltima linha da minha morada, enquanto aprendo matemática no MIT.

sábado, outubro 22, 2005

ana rita contra a burocracia americana

(ao estilo do nelson)
Tive ontem o primeiro confronto com a burocracia americana.
Fui à DGV cá do sítio (que acumula muitas funções; por exemplo centro de recenseamento eleitoral e centro de exames de código), tentar tratar da papelada para a carta de condução. Convém-me ter alguma forma de identificação deste estado, e como vou ter que pagar por qualquer tipo de identificação (há três possíveis: Massachusetts ID, Liquor Massachusetts ID, carta de condução), mais vale arrumar logo o assunto e tirar a carta. Claro que vou ter que fazer exame de código e de condução, eu já nem estava à espera de outra coisa... Portanto lá fui eu, à DGV cá do sítio (vulgo RMV), pedir instruções sobre o que fazer. Deram-me um livrinho de código (pequenino, vai ser canja estudar para isto) e um formulário, que terei que preencher adequadamente (fácil) e entregar acompanhada de vários documentos (esta parte é que vai ser complicada).
Pois então os documentos são os seguintes: SSN, prova de residência (um extracto do banco, enviado cá para casa pelo correio, com o meu nome e morada, serve), prova de assinatura e prova de data de nascimento. Têm que ser quatro, não vale acumular funções. E dois deles têm que ser "documentos primários". O passaporte é "primário" e serve para a assinatura ou para a data de nascimento. Falta-me portanto um documento que comprove a minha assinatura ou data de nascimento e que seja "primário".

Segue-se a lista dos "documentos primários":
1. Passaporte válido ou inválido, americano ou estrangeiro (este é um, falta outro);
2. Licença de porte de arma de massachusetts, válida ou caducada (pois, não tenho. nem quero ter);
3. Yearbook (=livro de curso) com menos de 10 anos (tenho um, do meu ano no canadá, está em portugal, mas de qualquer maneira este ...aham... documento... não serve para prova de assinatura ou data de nascimento);
4. Certos documentos dos Serviços de Imigração (leio as letras pequeninas: o único que eu tenho que está na lista, se também for apresentado o passaporte, juntos só contam como um documento. logo, não serve);
5. Cartão de identificação do exército americano, válido ou caducado (não);
6. Cartão de identificação da guarda costeira, válido ou caducado (também não);
7. Licença de aprendizagem ou Massachusetts ID válidas (licença de aprendizagem é o que eu estou a tentar obter, por aqui não vamos lá; quanto à massachusetts ID, tem exactamente os mesmos requisitos que a licença de aprendizagem, portanto também não vamos lá por aqui);
8. Carta de condução do Massachusetts ou Massachusetts ID caducadas há não mais de um ano (não...);
9. Qualquer licença, válida ou caducada há não mais de um ano, com fotografia, nome, assinatura e data de nascimento, emitida pelos Estado Unidos, Canadá ou México (não, não tenho nada disso, nem esperanças de ter);
10. Certidão de nascimento emitida pelos Estados Unidos (nem por isso);
11. Mandato de um tribunal americano (não...);
12. Certidão de baptismo por uma igreja americana, desde que o baptismo tenha sido feito no primeiro ano de vida (já vou um bocado tarde para isto);
13. Carta emitida pelo director de uma escola do Massachusetts que indique que eu sou estudante lá, com o nome e data de nascimento (possivelmente sim)

E pronto, acabou-se. As minhas possibilidades são, portanto, cometer um pequeno delito (11) ou ir pedir uma carta lá na universidade (13). Que é o que farei, na segunda feira. O pedir uma carta, não o delito.

3 comentários:

perola&granito disse...

Os leilões das nossas peças continuam. Está a decorrer o terceiro. Queres dar uma olhadela?
Beijinhos
Bom fim de semana.

Maias disse...

eheh... tb vibrámos quando um de nós recebeu o SSN... Agora é a trabalheira da carta! mas como muda de Estado para Estado, vamos a ver... Boa estadia!

Cat disse...

Tinha muito mais graça se fosses pelo delito!!!

www.flickr.com
This is a Flickr badge showing public photos and videos from ana_rita. Make your own badge here.